Arquivo da tag: artigos

Como ser um Blogueiro mais produtivo?

Fonte: CriarSites

Este é um guest post que foi escrito por Vinicius Horta do blog Dinheiro Web.

Como em qualquer profissão ser produtivo é fundamental para ganhar dinheiro, para nós blogueiros isto não é diferente, quanto mais produtivo for maiores são suas chances de ganhos financeiros, porém a grande questão é como ser mais produtivo com um mesmo espaço de tempo?

Não importa o quanto tempo tem disponível para blogar, afinal isto tende a não ser alterado por certo tempo, a menos que já esteja na hora de sair do emprego e viver apenas de seus blogs (o que requer cautela), fora isto o tempo que terá para blogar será exatamente o mesmo, isto também se aplica a quem já trabalha integralmente com blogs, afinal o dia não deixará de ter 24hs rsrsr

Já que sabemos que não adianta buscar por mais tempo para blogar o melhor a fazer é otimizar o tempo que temos, isso ajuda a aumentar a produtividade, existem algumas coisas muito simples e que podem representar um aumento considerável na produtividade, veja algumas coisas que podem fazer uma boa diferença em seu dia a dia:

Para Escrever os Artigos do Blog de forma mais Produtiva

É natural que façamos algumas pesquisas antes de iniciar o artigo, algumas vezes acabamos escrevendo o artigo em paralelo a estas pesquisas, isto acaba nos tomando mais tempo, pois entre uma consulta e uma escrita temos que reler o texto para retomar a escrita.

Pesquise tudo de uma só vez, faça as anotações que julgar necessário. Após isto feche todas as abas do navegador e aí sim passará para a escrita, que fluirá muito bem, afinal está com a mente repleta de informações.

Ainda seguindo este método de fazer o artigo em etapas, apenas após terminar o artigo é que deverá pensar em imagens, pois este é outro erro frequente, o que nos leva a ter que reler para continuar escrevendo, afinal além do tempo de busca da imagem também há o tempo em que estará otimizando ela.

Esteja na Internet, Mas não Esteja online!

Grandes desperdiçadores de tempo são as redes sócias e o MSN, a cada vez que alguém entra em uma rede social e começa a conversar com um amigo lá se vai embora no mínimo uma hora do seu dia de trabalho no blog.

Uma hora é bastante coisa até para quem trabalha em tempo integral com o blog, o que dirá para quem tem pouco tempo!

Poderá estar nas redes sociais (afinal é preciso), mas esteja como Offline, o mesmo para o MSN, assim evitará perder tempo ou ter que ser indelicado com algum de seus contatos, até porque infelizmente uma minoria de pessoas respeita o status “ocupado” rsrsr

E você, o que faz para ser mais produtivo no blog?

A importância do foco para atingir os seus objetivos e o sucesso

Fonte: Iago Melanias/blogandocomfacilidade

Olá blogueiros, creio que todos nós já ouvimos falar sobre a importância do foco, e todos queremos fazer sucesso, certo? Mas fazer sucesso é muito mais que receber milhares de visitas. É preciso atingir o tão querido e esperado sucesso. Sucesso é um termo bem relativo, para muitos, ter 5 mil visitas não é nada, para outros, é um sonho. Procuramos sempre atingir os objetivos, procurar sempre ter metas e fazer o máximo possível para cumpri-las, como debatemos em “Quais São suas Metas para 2012?“. Mas falaremos mesmo é do foco nos seus projetos, a importância dele e por que investir e buscar sempre focar-se.

Dê foco no seu Nicho:

É extremamente importante focar no nicho, existem diversos blogueiros que se perdem no seu nicho e passam a publicar artigos que não tem relevância alguma dentro do blog deles. Artigos não causaram impacto e muito menos receberam uma quantidade razoável de comentários. E os mesmos autores insistem em publicar sobre aquele assunto, mesmo sabendo que não tem interesse algum para os leitores. Isso é desagradável. Muitas vezes, blogueiros passam a aderir a um novo nicho e perdem leitores aos montes.

Mudar ou acrescentar um nicho é algo que deve ser feito com muito cuidado, afinal, seus leitores estão acostumados a um determinado nicho, mudar ou acrescentar será um processo bastante estranho para eles. Por isso, evite desfocar do seu nicho ou simplesmente publicar sobre um determinado assunto que não tem muita relação, ao contrário que seja um assunto interessante ou polêmico.

Dê foco aos seus Objetivos e Metas:

É muito importante focar nos objetivos, é focando neles que consegue-se atingir melhores resultados e assim um melhor blog. É preciso estar sempre melhorando nossos blogs, e estabelecer o que precisa ser melhorado é essencial. Para isso, existem o conceito e traçar as metas e colocar na mesa o que precisa de mais atenção. Algumas das metas que precisam ser alcançadas para que se tenha um blog de qualidade e que faça sucesso:

  • Faça conteúdo qualificado.
  • Invista em um bom Layout.
  • Divulgue seu blog.
  • Interaja com seus leitores.
  • Faça Atualizações constantes (artigos diários).

Dê foco à qualidade de seus leitores.

No meu ponto de vista, o foco na qualidade dos leitores é um dos principais que você precista ter! A qualidade dos leitores é uma das principais metas para serem atingidas para criar-se um blog de qualidade. Não se pode dizer que um blog é de qualidade quando seus leitores abandonam a página em menos de 10 segundos. Quando a grande maioria não navega nem sequer uma página. Quando você publica mais e mais conteúdo relevante e não recebe sequer um comentário.

Afinal, por que o foco é tão importante?

Mas você se pergunta, qual a tão grandiosa importância do foco em nosso blog?

  • Para melhorar a qualidade do blog: É inevitável dizer, que no geral, o foco nos ajuda muito na qualidade do blog. Pode-se dizer que melhorar é um resumo completo para todas as modificações que o foco nos traz. É importante esquecer de todo o resto e procurar melhorar apenas um determinado ponto às vezes.
  • Para caminhar um maior percurso em menos tempo: Sempre há preocupações desnecessárias em nosso pensamento, e isso pode ser eliminado com a aplicação do foco em nossos projetos. Focar sempre em determinados pontos nos traz um maior retorno em menos tempo, e isso precisa ser usado como artifício para melhorar nosso blog.
  • Para organizar melhor as ideias: Outra consequência inevitável do foco é a organização de ideias. Quando conseguimos estabelecer uma melhor qualidade em nossos projetos utilizando o artifício do foco, conseguimos organizar melhor nossos projetos de forma notável. Passamos a valorizar melhor cada ponto de nosso blog e passamos assim a melhorar a organização de ideias, sem esquecer de algo ou deixar de lado ideias importantes e que merecem valorização.

– –

E você… Em que você está focado agora?

Agora queremos a sua opinião! O que você acha sobre a importância do foco? E qual o seu principal foco atualmente?

3 formas de saber o que deve escrever no Blog!

Fonte: CriarSites

Este é um guest post que foi escrito por Vinicius Horta do blog Dinheiro Web.

Sempre focamos, tanto Celso Lemes, Rogério Gomes do WRG, eu no Dinheiro Web sobre a importância de escrever para os leitores, isso normalmente quando tratamos de temas relacionados a SEO (Search Engine Optimization), porém esta questão de escrever PARA o leitor pode ir além, que é desde o início ter este foco, ou seja, escrever aquilo que o leitor está procurando!

A grande questão é que nem sempre é assim tão simples saber o que as pessoas estão querendo saber, afinal dependendo do nicho isso pode ser inclusive a tarefa mais complicada, pois não é como procurar uma palavra-chave no Google Insight for search, é mais complexo, é o tema e ainda a forma como o tema será abordado!

Existem muitas formas de saber o que os leitores querem ler, mas aqui vou colocar 3 das quais considero mais simples de fazer e que dão ótimos resultados, pois um processo natura é que os assuntos tenham mais visitas.

Yahoo Respostas, uma Ótima fonte para Temas no Blog!

Através dos fóruns do Yahoo Respostas poderá encontrar as principais dúvidas dos leitores sobre os temas de seu nicho, poderá notar que algumas dúvidas são bastante recorrentes, ou seja, existem diversos tópicos criados sobre o mesmo tema, muitas vezes inclusive sem uma resposta satisfatória, eis uma ótima oportunidade!

Desta forma terá sempre uma grande quantidade de temas para abordar, com a vantagem ainda de posteriormente retornar ao Yahoo e responder sucintamente a resposta e deixar o link para o post para quem desejar maiores informações.

Eu utilizei o Yahoo respostas como exemplo, porém existem muitos outros fóruns de grande qualidade que também podem servir de fonte de assuntos a serem abordados no blog, existem inclusive alguns fóruns de nicho, isso pode ser uma grande ajuda para tornar seu blog conhecido em seu bicho.

Área de Comentários dos Blogs de seu Nicho!

Ser participativo nos blogs de seu nicho podem trazer inúmeros benefícios para seu blog, entre estes benefícios vale citar que estará lendo os comentários feitos por outros leitores e desta forma tendo um contato direto com suas dúvidas, isto é uma ótima oportunidade para fazer posts que serão realmente úteis para os leitores.

Litura recomendada: Agregue valor ao artigo quando for comentar em outros blogs.

Em seu próprio blog também poderá coletar ótimas ideias para novos artigos na área de comentários, nem sempre isto surge como um pedido explicito para que escreva sobre determinado assunto, porém se estiver atento poderá notar o que seus leitores estão procurando.

Peça sugestões de Artigos!

Esta talvez não seja a forma que trará a maior quantidade de temas, mas não custa nada tentar, que é realmente oferecer a seus leitores a possibilidade se sugerir artigos, como é feito aqui no Criar Sites, se olhar a barra de navegação poderá ver o link “Sugira um Artigo”, isto é duas vezes interessante!

É interessante por ser mais uma fonte de ideias para novos artigos, e também é interessante por fidelizar cada vez mais o leitor, afinal quem não gosta de ser participativo, de poder dar sua opinião?

Além destas formas de buscar por novas ideias existem muitas outras, como enquetes por exemplo, podem ser feitas diretamente no blog ou mesmo em sua página do Facebook, uma pergunta no Twitter, aí é realmente sua criatividade que manda!

Como blogar sem um computador

Este é um guest post escrito por Anderson Chipak que bloga no Como Criar Sites e Blogs.

Fonte: CriarSite

Escrever artigos, fazer SEO, ajustar o layout, gerenciar plugins, responder a comentários são todas atividades fundamentais para manter o bom funcionamento de um blog. Mas e se por acaso você ficasse sem o seu computador e sem acesso à internet, como poderia se desenvolver como blogueiro?

Ter um computador sempre disponível ajuda em muitos sentidos, o problema é que nossa mente costuma divagar quando estamos na frente dele. Mesmo que você esteja 100% focado, o simples fato de estar naquela posição já mostra para a sua mente que você está apto a fazer qualquer atividade que comumente faz. Ou seja, entrar nas redes sociais, no Analytics, no AdSense, fazer pesquisas no Google, fazer download, etc. Embora não pareça, isso atrapalha em um nível inconsciente. Nesse caso, para fazer certas atividades é muito melhor usar lápis e papel.

Eis algumas coisas que você pode fazer melhor sem um computador.

Pensar em idéias para seus artigos

Muitas vezes acreditamos que usando o Google Keyword Tools encontraremos todas as sugestões para nossos novos artigos. O fato é que essa é uma ferramenta e não pensa por si só. Se você simplesmente usar as idéias do Google Keyword Tools sem analisá-las, poderá perder o foco rapidamente devido à quantidade de idéias que ele traz. No final conseguirá escrever vários artigos, porém sem nenhuma ligação entre eles.

Uma alternativa são os mapas mentais feitos no papel. À partir de uma ideia central você chega a ideias secundárias de maneira mais eficiente do que se feito diretamente no computador.

Melhore seu estilo de escrita

Os livros antigos são conhecidos por serem mais concisos do que os livros publicados atualmente. Isso porque eles eram escritos à mão. Além de ser uma forma de manter o foco no texto, escrever à mão não favorece o ato de copiar e colar disponível no computador. Tudo é feito de maneira corrente de modo que você chega ao final do texto e seu maior trabalho é revisá-lo e transcrevê-lo para seu blog.

Essa parece uma idéia meio maluca, mas para testar faça o seguinte: supondo que você não tem conhecimento nenhum do idioma espanhol, pegue um texto escrito em nesse idioma e tente traduzi-lo diretamente no editor de texto de um computador. Qual é uma ação inevitável que vem à sua cabeça? Abrir o tradutor do Google. E o que isso gera? Perda de foco. Agora, tente traduzir esse documento no papel. Com algum esforço você captará a idéia principal do texto e escreverá com as suas próprias palavras.

Livre-se dos erros

Quando você escreve diretamente no papel, não se dá conta de um detalhe. Cada palavra que você escreve já está sendo automaticamente revisada pela sua mente. É muito difícil você escrever tão rápido a ponto de não notar que uma palavra está errada ou que falta uma virgula na frase. Para testar isso, faça o seguinte: escreva uma frase no papel e note se seu foco será outro a não ser cada palavra que está sendo escrita. Preste atenção em você mesmo e veja se sua atenção não fica maior aos detalhes enquanto escreve. Essa prática ajuda a evitar erros de português e auxilia a sua mente a gravar padrões que não é possível com um computador.

Livre-se das distrações

Um computador é o maior centro de distração que pode existir, quando conectado à internet. Mesmo que você desative todas as funções de notificação, comunicadores instantâneos, navegadores, etc., ainda estará tentado a usar algumas dessas funções. O próprio ALT + TAB pode tirar sua atenção. É claro que existem editores em tela cheia, mas você ainda estará em frente ao computador.

Isso não acontece com papel e caneta. Escreva um texto agora e veja se você sentirá vontade de entrar no Facebook? A não ser que o computador esteja do seu lado, piscando e fazendo barulho, acredito que a resposta seja não.

Concluindo…

Se você tem alguma dificuldade para se concentrar ou deseja melhorar suas habilidades ao escrever, recorra ao método mais antigo e simples: o lápis e o papel. Isso o ajudará a não mais perder o foco e escrever artigos com mais qualidade do que nunca.

Como mostrar os ultimos posts de uma categoria

Fonte: Sara Vieira/DicasWP

Muitas vezes na nossa página inicial queremos ter apenas uma categoria de artigos, e não os últimos artigos de todas as categorias pois nem todas podem interessar, e é isto que vou explicar como se faz hoje, mostrar os últimos artigos de uma especifica categoria.

Para conseguirmos isto necessitamos de usar a função query posts e esta função é a nossa maneira de conseguir alterar os posts que o WordPress coloca na página, pode ser usado para diversas coisas mas neste casos vamos falar das categorias e numero de posts por página.

Começamos com um loop de WordPress completamente normal:

<?php if ( have_posts() ) : ?>
<?php while ( have_posts() ) : the_post(); ?>
 <h2><a href="<?php the_permalink() ?>"><?php the_title(); ?></a></h2>
 <small><?php the_date('d/m/Y') ?> by <?php the_author_posts_link() ?></small>
 <div class="artigo">
   <?php the_content(); ?>
 </div>
 <p class="postmetadata">Na categoria <?php the_category(', '); ?></p>
<h6><?php comments_popup_link('Sem Comentários »', '1 Comentário »', '% Comentários »'); ?></h6>
 <?php endwhile; else: ?>
 <p>Não existe nenhum post.</p>
 <?php endif; ?>

Mas isto mostrará os últimos posts que houve em todas as categorias, e é nesta parte que o query_posts entra em ação, limitando o numero de posts que são mostrados na página e a categoria a que eles pertencem, depois do if e antes do while adicionamos:

<?php query_posts("category_name=atuacategoriaaqui&posts_per_page=3");

Como podem ver aqui apenas colocamos a categoria da qual queríamos ver os artigos e colocamos um máximo de 3 posts por página e um & entre os dois. Após isto temos que fazer um reset ao loop do WordPress para o query_posts não entrar em conflitos mais tarde com outras páginas, então no final do nosso loop, depois do end if colocamos:

<?php wp_reset_query();?>

O código completo é:

<?php if ( have_posts() ) : ?>
 <?php query_posts("category_name=atuacategoriaaqui&posts_per_page=3"); ?>
<?php while ( have_posts() ) : the_post(); ?>
 <h2><a href="<?php the_permalink() ?>"><?php the_title(); ?></a></h2>
 <small><?php the_date('d/m/Y') ?> by <?php the_author_posts_link() ?></small>
 <div class="artigo">
   <?php the_content(); ?>
 </div>
 <p class="postmetadata">Na categoria <?php the_category(', '); ?></p>
<h6><?php comments_popup_link('Sem Comentários »', '1 Comentário »', '% Comentários »'); ?></h6>
 <?php endwhile; else: ?>
 <p>Não existe nenhum post.</p>
 <?php endif; ?>
<?php wp_reset_query();?>

E está concluído, de uma maneira mais simples que secalhar muitos de vocês pensaram. Na nossa página inicial só irá mostrar no máximo 3 posts e todos da mesma categoria.

Como atrair o leitor perfeito para seu blog

Este é um guest post escrito por Anderson Chipak que bloga no Como Criar Sites e Blogs.

Fonte: CriarSites

Um dos maiores desafios ao criar um blog é descobrir o seu leitor ideal. A grande maioria dos blogueiros cria um grande dificuldade onde existe algo simples: eles imaginam que todo mundo vai ler seus blogs, o que é um problema, pois isso leva a pensar que todos os leitores fazem parte do seu público. Afinal, todo leitor é um cliente potencial, certo? Nem sempre!

Digamos que eu escrevi sobre adestramento de cães. Você pode gostar de cachorros e até achá-los bonitinhos. Mas, a menos que você se interesse em adestrá-los, minhas palavras não farão sentido para você. O mesmo é verdade para qualquer nicho de mercado. Apenas um seleto grupo de pessoas se preocupa realmente com o que você escreve.

Se você for pensar bem, pela quantidade de internautas, ninguém dá a mínima para o que você escreve. Mas isso é uma coisa muito boa! Você prefere ter 100 clientes fiéis que constantemente compartilham seus artigos e seu negócio porque amam o que você escreve? Ou prefere ter um milhão de leitores “sem rosto” que aparecem em seu site, leem o que você tem a dizer e notam que isso não lhes diz respeito?

Pense também. Você prefere leitores que visitem seu site porque é exatamente do seu conteúdo que eles gostam? Ou aquelas pessoas que visitam seu site e saem falando dos seus ínfimos erros de ortografia?

Talvez tenhamos muitas visitas diárias em nossos blogs, mas é realmente essas visitas que estão dando o retorno que queremos? São 100% das pessoas que clicam em anúncios AdSense ou de programas de afiliados? Ou são apenas 20% dos leitores? Muitas vezes diversificar para aumentar as visitas do site não significa ganhar mais dinheiro.

Como resolver esse problema?

Para ajudá-lo a resolver esse problema, você precisa descobrir exatamente qual é o seu publico alvo.

  • Anote as características das pessoas que compartilham seu conteúdo: são jovens, velhos, mal humorados, bem humorados, estão sempre online ou somente às vezes, etc. Se você mudar seu tipo de artigo, ele será compartilhado também?
  • Note quem são as pessoas que comentam em seu blog. Escrevem corretamente, têm coerência? Ou são pessoas mais simples que não escrevem 100% corretamente?
  • Veja quais são seus artigos mais visitados. Você escreve tutoriais, dicas, informativos, reviews? Note qual é o tipo de artigo mais bem aceito em seu nicho.
  • Preste atenção ao número de comentários. É possível que alguns artigos com menos visitas tenham uma participação maior, o que gera mais visitas a médio prazo.
  • Faça pesquisas em seu blog pedindo para que as pessoas respondam a um questionário com: idade, sexo, interesses, etc.

Com base nessas informações você saberá qual é o melhor artigo a ser escrito, qual é a faixa etária, o nível de escolaridade e quais são os interesses dessas pessoas. São esses leitores que o seu conteúdo deve atrair. São eles que clicarão em seus anúncios e acompanharão suas atualizações diariamente.

A lista pode ser tão longa quanto você desejar. O mais importante é entender que você pode escrever artigos que irão atrair menos pessoas, porém com um foco muito maior do que artigos de conteúdo geral.

Como escrever artigos inesquecíveis em seu Blog

Fonte: CriarSite

Este é um guest post escrito por Anderson Chipak que bloga no Como Criar Sites e Blogs.

Muitas vezes nós blogueiros escrevemos artigos sem pensar no que realmente vai virar a cabeça do nosso leitor e fazê-lo lembrar daquele artigo por um bom tempo. Acredito que todos acompanhem os melhores blogs nas áreas que desejam, mas um post ou outro fica sempre em destaque entre seus favoritos. Este é o artigo que chamamos de inesquecível. É por causa desse tipo de artigo que os leitores vão te seguir no Twitter, curtir sua página de fãs no Facebook, assinar sua Newsletter e acompanhar as atualizações através de Feed RSS.

Curiosamente, existem tipos de artigos que fazem os leitores se lembrarem de um blog enquanto que outros não fazem a mínima diferença. Descobri isso ao conversar com alguns seguidores do meu blog www.programa-de-afiliados.net. E isso me abriu os olhos para uma nova maneira de escrever.

O que as pessoas não lembram sobre seu blog

Muitos blogueiros se concentram em criar posts didáticos, que ensinam a fazer algo, porém o que as pessoas se lembram é justamente o contrário. É muito raro alguém chegar e falar:

“Eu me lembro do artigo que o Anderson Chipak mostrava como instalar o WordPress em 10 minutos. Eu adorei!”

ou

“Eu me lembro quando foi publicado o artigo falando de como transportar migrar um blog em Joomla para WordPress.”

Os posts inesquecíveis para as pessoas são, em sua maioria, informativos. Pense no seu melhor artigo. Com certeza não foi o “10 melhores sites de downloads na internet” ou “Como criar um blog agora”, isso porque esse tipo de artigo está presente em 8 de cada 10 blogs. Porém um post informativo é único.

O que as pessoas lembram sobre seu blog

Os artigos que as pessoas mais lembram, em sua maioria, envolvem:

  • histórias
  • posts divertidos (humor, ou escrevendo em uma voz diferente)
  • mensagens emotivas
  • mensagens inspiradoras
  • opinião sincera
  • posts sobre as necessidades das pessoas

Os artigos informativos ajudam as pessoas no seu dia-a-dia, mas dentre eles as mensagens mais sinceras que envolvem emoção são aquelas que mais influenciam e causam impacto. Esse tipo de mensagem cria uma conexão entre o leitor e o blogueiro.

Quais mensagens você lembra?

Um artigo que me marcou bastante foi postado pelo Celso Lemes aqui no Criar Sites no dia 26/08/2009, com o título: “Quanto você vale para o mercado de trabalho”. Nesse artigo o Celso passa um vídeo onde Jim Rohn fala que as pessoas não são pagas pelo seu tempo, mas sim pelo valor que oferecem ao mercado. A forma com que foi passada a mensagem e a realidade que eu vivia naquele momento me fizeram captar a mensagem.

E você, qual o seu tipo de post que mais faz seus leitores se lembrarem de seu blog? Que mensagens você se lembra de outros blogs e que marcaram de alguma maneira sua vida pessoal ou profissional?

Tem Medo de ser o Primeiro a Escrever sobre um Novo Assunto?

Fonte: Rogerio Gomes/WRG

Alguma vez já se perguntou se tem medo de ser o primeiro blogueiro a escrever sobre um novo assunto, uma ferramenta, uma nova tendência ou se simplesmente prefere que outros escrevam em seu lugar, para somente após ter confiança e dar sua opinião em cima.

Muitas vezes o blog que publica o primeiro artigo sobre o “novo método x”, acaba ganhando uma enorme vantagem em relação a todos os outros blogs que ainda vão escrever sobre o mesmo assunto.

Nisso você entra como líder no google e se agir da maneira correta, poderá se beneficiar com as muitas visitas que um primeiro lugar no google pode trazer.

O Problema é que ser o primeiro a escrever sobre um determinado assunto também traz uma responsabilidade muito maior, afinal de contas, se escrever algo errado ou incorreto, pode manchar ou queimar seu blog perante os leitores que vão receber a informação fresca.

Muitas vezes antes de escrever sobre “como criar um conta no twitter”, é mais fácil entrar no google, digitar o assunto, pesquisar sobre como os primeiros resultados explicam e detalham todo o processo de criar uma conta no twitter, para somente após criar um artigo muito mais detalhado sobre o tema.

O problema é que você já não será o primeiro a escrever sobre isso, e nessa, a vantagem que teria de ser o primeiro a escrever já se foi a muito tempo.

Agora e se lançasse uma nova ferramenta chamada “DFR42”, você seria o primeiro a escrever sobre ela ou iria esperar os blogueiros que confiam escrever na sua frente?

Se não tem nenhum artigo falando sobre a ferramenta, nada o impede de ir com coragem testar a ferramenta e descrever de forma clara e direta aos visitantes, quem sabe ate usando recurso de foto e vídeo.

Nisso facilmente você entraria para primeiro lugar no google para o termo exemplo, “como criar uma conta para o DFR42”, e teria uma larga vantagem aos demais que ainda vão escrever sobre o mesmo assunto mais tarde.

Claro que isso não garante de maneira alguma que irá ficar em primeiro no google, ou muito menos de que irá sustentar a primeira posição por muito tempo, afinal de contas, muitos fatores estão em jogo, mas uma coisa é certa, se tiver coragem e souber aproveitar as novidades e tendências do mercado, terá condições de ser o primeiro a escrever sobre um determinado assunto e não mais o milésimo a criar um tutorial sobre como criar uma conta naquela famosa rede social.

De agora em diante comece a ficar atento as novidades que sondam a rede, caso encontre uma boa oportunidade não deixe passar em branco e saiba aproveitar muito bem a favor do blog. Basta ser claro e verdadeiro para que os leitores possam receber a aceitar a nova informação.