Como destravar o painel do WordPress após a instalação de um plugin com problema?

Fonte: Celso Lemes/CriarSites


Se você é um blogueiro assim como eu, pode acontecer de um belo dia você tentar acessar o painel de controle do WordPress para escrever mais um post e perceber que o painel não está acessível, exibindo uma mensagem de erro ou uma página em branco.

Eu mesmo já tive este tipo de problema algumas vezes e penei para descobrir a solução, inclusive a ideia de escrever este artigo veio depois que um comentarista pediu ajuda sobre isso nos comentários recentemente.

Esse tipo de problema geralmente acontece depois da instalação de algum plugin ou mesmo após algum tipo de configuração no blog. Pode ser que o plugin seja incompatível com outro plugin já instalado, com a versão do WordPress, com o template ou mesmo com a hospedagem, fazendo com que o painel de administração ou o blog todo deixe de ser carregado ou apresente erros no carregamento.

Como resolver o problema

A solução para isso é relativamente simples, basta acessar o servidor em que o blog está instalado via FTP e renomear o a pasta do plugin suspeito ou da pasta plugins, fazendo com que todos sejam desativados automaticamente.

Abaixo você pode conferir a pasta plugins sendo renomeada com a ajuda do FileZilla.

Feito isso, basta acessar novamente o painel de administração e ir até a aba plugins, que irá mostrar uma mensagem dizendo que os plugins foram desativados. Depois é só voltar o nome da pasta para o que era antes e ativar os plugins, menos o que estava dando problema.

Não sei qual era o plugin com problema, o que faço agora?

Muita calma nesta hora. Uma boa forma de descobrir o plugin incompatível é ativar um dos plugins que você acha ser o suspeito e fazer um teste para ver se está tudo ok, se não tiver problema, ative outro e continue o processo até descobrir qual deles não se deu bem com seu blog.

Depois que descobrir o plugin problemático, verifique se ele não tem alguma atualização no próprio painel do WordPress. Pode ser que com a atualização o problema se resolva, mas caso não tenha, recomendo que você procure por um plugin alternativo.

Gostou deste artigo? Então deixe um comentário e não se esqueça de divulgar nas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *