Twitter começa a usar SPDY do Google

Fonte: IMasters

Com informações de The H

O Twitter começou a usar o protocolo SPDY, do Google, para administrar as solicitações da web a partir de navegadores que entendem a alternativa para HTTP. Ainda que a novidade não tenha sido anunciada oficialmente, um engenheiro do Twitter postou um screenshot que mostrava que o protocolo estava disponível na API da rede social. O SPDY começou em 2009 como um experimento para acelerar a web ao usar só um requerimento ao invés de vários requerimentos HTTP. E, também, permitindo a criptografia a compressão por padrão. O Google introduziu o SPDY no Chrome e no Chromium e, depois, em vários outros sites da empresa.

O protocolo tem sido submetido ao IETF como um padrão futuro. O seu uso no Twitter é a primeira grande implementação fora do Google, além da Amazon que utiliza o SPDY na comunicação entre seus servidores e o Kindle Fire.

A maioria dos navegadores não mostra o uso do SPDY aos usuários, sendo assim, muitos o usam sem saber. Agora, graças ao plugin Chrome SPDY Indicator, já é possível saber quando o SPDY está sndo usado.

O Chrome, Chromium e o Firefox 11 são os únicos navegadores que suportam o SPDY até agora. O diretor de plataforma web da Mozilla, Chris Blizzard, disse que o Firefox 13 terá o protocolo ativado por padrão. Uma versão inspirada no Chrome SPDY Indicator já está disponível para o Firefox 11.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *