Image Image Image Image Image
Scroll to Top

Topo

04

ago
2011

Sem Comentários

Em Blog

Por Allison

Interon tem plataforma SaaS para aplicações

Em 04, ago 2011 | Sem Comentários | Em Blog | Por Allison

Servoy promete aliar velocidade e robustez na entrega de aplicações na nuvem

A Interon, empresa brasileira dedicada à evolução de aplicações de negócios, traz ao Brasil o Servoy, plataforma de desenvolvimento e implantação de aplicações em Cloud Computing, não só na modalidade SaaS, como também em PaaS e IaaS. A plataforma atende tanto ISVs (fornecedores independentes de software) como organizações.

Segundo a empresa, o Servoy é a plataforma ideal para evoluir aplicações Visual FoxPro. Ele oferece multi-plataforma para desenvolvimento (Windows, Mac e Linux), runtime (tempo de execução), cenários de cloud computing e multi-navegadores (Internet Explorer, Firefox, Google Chrome, Safari, Opera) com desenvolvimento web móvel. Também permite desenvolver códigos tanto para desktop quanto para web, a partir de uma única base de código.

A plataforma acompanha as tendências do mercado de software, que aposta fortemente na adoção do Cloud Computing. O modelo SaaS permite que as aplicações desenvolvidas sejam executadas em um servidor, e o cliente as acessa pela internet. Desta maneira, não há a necessidade de instalar o sistema no computador do cliente.

Por estar no modelo SaaS, o Servoy traz vantagens como redução do investimento inicial, implementação mais rápida de aplicações e interface simples e intuitiva, que permite que todos os aspectos básicos da solução possam ser conhecidos em apenas uma semana, de acordo com a Interon.

Com o Servoy, todos os dados da solução são armazenados em um banco de dados SQL (o Servoy já vem com o banco de dados Sybase, mas pode-se usar o banco de dados que preferir), ou seja, não estão em formato físico no disco. O Servoy apenas controla a interface para os dados, portanto se a aplicação ficar fora do ar, os dados não ficarão corrompidos.

Outro benefício é a baixa latência na rede. O Servoy Client se comunica com o Servoy Server via Java SSL criptografado e compactado. Ele utiliza a técnica lazy load, em que apenas os dados dos formulários que estão sendo utilizados são enviados pela rede, reduzindo assim o consumo desta.

Com o recurso de internacionalização, é possível desenvolver uma solução em idioma nativo. Usando o i18n, é possível adicionar a referência ao idioma que a aplicação irá disponibilizar. Assim, o Servoy carrega automaticamente o idioma correto, baseado na configuração selecionada pelo usuário.

Ele também permite estilização, o que torna simples definir padrões como fonte, cor, alinhamento, configuração de bordas, do que adicioná-los manualmente para cada elemento do formulário.

O Servoy também oferece ambiente flexível. Oferece suporte completo para o JavaBean, Java applets e plugins, permitindo integrar, personalizar e estender funcionalidades para a aplicação Servoy, da maneira como for necessário.

O Servoy é composto pelas seguintes funcionalidades:

IDE de Desenvolvimento – conjunto de ferramentas necessárias para desenvolvimento de soluções de diversos níveis de complexidade;

Servoy Server – responsável por manter conexões com as bases de dados, sincronismo automático entre Cliente-Servidor, controlar transações, adicionar e configurar plugins, controle de versões de aplicações, execução de processos Batch, etc;

Servoy SmartClient – executa uma aplicação desenvolvida no Servoy em formato desktop. É uma aplicação 100% Java que mantém uma conexão dinâmica com o servidor de aplicação;

Servoy Runtime – cria versões de Stand-Alone de aplicações desenvolvidas no Servoy, sendo possível executar toda estrutura da aplicação e base de dados em uma máquina local;

Servoy WebClient – a mesma solução desenvolvida para SmartClient pode ser executada como WebClient sem implementação ou configuração adicional;

Sybase Anywhere – o banco de dados Sybase está incluso no pacote de instalação do Servoy, ficando a critério da empresa escolher se deseja trabalhar com ele ou com outro banco de dados.

Fonte: Metaanalise

Redes Sociais

Tags | , , , , , , , , , ,

Enviar um Comentário